quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Berlusconi colaborou com a Cosa Nostra?


O primeiro-ministro italiano, Silvio Berlusconi, terá colaborado com a máfia siciliana, a Cosa Nostra, e estado atrás dos ataques organizados pela organização criminosa no início dos anos 90, acusou hoje um membro arrependido, Gaspare Spatuzza, no Tribunal de Turim.

O testemunho do ex-membro da Cosa Nostra faz parte do julgamento do senador Marcello Dell'Utri, braço direito de Berlusconi desde os anos 70, que foi condenado a nove anos de prisão por colaborar com a máfia.

De acordo com Spatuzza, o objectivo dos atentados de 1993 em Florença, Milão e Roma era destabilizar o país e favorecer a entrada na arena política da “Forza Italia”, o partido fundado por Berlusconi e Dell’Utri em Janeiro de 1994, em troca de um aligeirar das penas contra os condenados por crimes mafiosos. “Il Cavaliere”