quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Escola usou alunos para vender cartões de crédito


Por cada cartão, a escola ganhava 20 euros. "Escândalo" acabou após denúncia

Os alunos da Escola Secundária Inês de Castro, em Vila Nova de Gaia, receberam da sua direcção uma carta no mínimo curiosa. Ao invés de dar notas e 20 aos alunos, pedia notas e de 20. Eram 20 euros por cada cliente que os alunos conseguissem angariar para o Unibanco Life. Uma actuação "eticamente reprovável e absolutamente escandalosa" e que ocorreu já este ano lectivo, segundo a denúncia do caso entregue ao Parlamento pelo Bloco de Esquerda no final de Outubro.