quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Dois chineses residentes em Portugal apanhados em França com 1,8 milhões euros no carro

Dois homens chineses residentes em Portugal foram detidos em França com 1,8 milhões de euros escondidos no carro que conduziam em direção à Áustria, anunciaram na segunda-feira à noite as autoridades francesas.Os dois homens, de origem chinesa, mas a morar em Portugal, foram detidos a 11 de Novembro numa auto-estrada na região da Alsácia por agentes alfandegários e alegaram estar a caminho da Áustria, onde iriam passar férias.
Escondidas nos bancos do Audi A6 que conduziam estavam 38 mil notas, indicou o agente alfandegário Marc Steiner, acrescentando que os homens afirmaram ter apanhado um avião de Portugal para Paris, onde lhes terá sido entregue o carro.
As autoridades francesas suspeitam que o dinheiro será proveniente de actividades criminosas, mas os homens recusaram-se a dizer onde o arranjaram, afirmando apenas que estavam numa viagem de lazer.


Nota de bloguista  Provavelmente são agentes do governo chinês a transportar para lugar seguro os lucros das lojas chinesas em Portugal. E a driblar os impostos, claro.