sexta-feira, 19 de junho de 2015

Cinco helicópteros Kamov contra incêndios estão parados





Cinco helicópteros de combate aos fogos, comprados pelo Estado, estão parados e sem condições para combater incêndios florestais. A frota já custou mais de 100 milhões de euros e está agora sem funcionar. A Autoridade Nacional de Proteção Civil confirmou já esta informação. Precisamente na véspera de a RTP emitir uma investigação aprofundada sobre o negócio que levou à compra e manutenção destes aparelhos.

Nota de bloguista: é para toda a gente ver onde anda o dinheiro que era suposto o país ter... É só negociatas!!! Ficamos sem o dinheiro, sem helicópteros e sem segurança no combate aos incêndios...