quinta-feira, 2 de julho de 2015

Ex-ministro Miguel Macedo da Administração Interna vai ser constituído arguido no âmbito do caso Vistos Gold


O ex-ministro, que se demitiu em novembro na sequência do processo, é suspeito de quatro crimes: três de prevaricação de titular de cargo político e um de tráfico de influências.

Nota de bloguista: Vejam mais uma vez como os políticos deste país enriquecem usando os cargos no governo para engordarem a sua conta bancária.