sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Banqueiro chinês deixa filha à morte!


São um casal da classe alta chinesa, detentores de vistos gold em Portugal, jovens (com 38 anos). Frequentam o casino de Lisboa, podem agora circular pela Europa, têm dinheiro para gastar.

Na noite de quinta-feira decidiram ir ao casino, situado perto do condomínio de luxo Torres São Rafael - no Parque das Nações, onde vivem no 21.º andar e pelo qual terão pago entre 800 a 900 mil euros, e quando chegaram a casa, pelas três da madrugada, não encontraram a filha em casa. Viram uma janela aberta e o corpo da criança (de 5 anos) uns metros mais abaixo na cobertura do prédio. Morta.

Os pais foram ao casino e chegaram a casa pelas 03.00. Viram a janela aberta e o corpo da menina na cobertura das Torres de São Rafael. Foram detidos até serem presentes hoje a um juiz.
Foram depois colocados em liberdade, mas ficam impossibilitados de sair do país e obrigados a apresentações periódicas às autoridades. A decisão foi conhecida após terem sido presentes a um juiz de instrução criminal para primeiro interrogatório judicial.

O caso passou para a Polícia Judiciária, que esteve no local. Os pais estão constituídos arguidos pelo crime de exposição ou abandono, previsto e punido no Código Penal com 3 a 10 anos de prisão quando o resultado é a morte.

Clique aqui e veja o video.

Nota de bloguista: Esta é a justiça para ricos utilizada em Portugal dada por determinados juízes, sabe-se lá porquê...